Chaveiro em scrap digital

Como já disse em outro post, adoro scrapbook. A idéia de mesclar arte gráfica com artesanato me transmite a impressão de algo rico, com mais história, capricho, e atenção.
Conheci o "scrap" por acaso, buscando idéias e imagens na internet. Comecei a pesquisar mais e a gostar mais também. Então, resolvi tentar fazer algumas experiências e ver se levava jeito para a coisa. Uma dessas experiências foi um chaveiro que fiz baseado num passo-a-passo criado e divulgado pela Daniela Zambelli do "Mania de Photo":


Acabei mudando algumas coisinhas e acho que ficou bem interessante. Pelo passo-a-passo cada composição ficaria sozinha dentro de um plástico porta-documentos. Resolvi colocar todas juntas, dobrando tipo sanfona. Medi o porta-documentos e fiz os layouts em tamanho 7x7cm. Os elementos e "papers" que usei foram de kits baixados pela internet de lojas e blogs que já indiquei e que listo na minha barra lateral. Para quem está interessado também em scraps, mas não tem muito tempo para pesquisar os diversos blogs que existem atualmente, sugiro visitar o blog da Ikea, que sempre divulga bons trabalhos e compartilha ótimos "freebies". O ilhós prendi num armarinho perto de casa, e aos invés de pedrinhas, usei fitas coloridas que foram amarradas à argola do chaveiro.
Fiz dois chaveiros, uma para o Dia dos Pais e outro para o meu sobrinho. Na época esqueci de tirar foto deles prontos, e o de André, Sophia já desmanchou, mas tenho o layout digital final e a foto de um deles em sanfona. Vejam como fica legal:


Existem duas designers de scrap que sou apaixonada pelo trabalho, e uma delas, a Michelle Filó, do "With Love by Mushy", sempre super generosa com suas criações, divulgou um passo-a-passo muito bom de um mini-álbum neste estilo, que também pode ser transformado num chaveiro, e ainda cedeu o template freebie do mini-álbum. Quem se interessar dê uma olhada no site todo dela, tenho certeza que também ficarão apaixonados, como este híbrido maravilhoso! Além de super talentosa, a Mi, como se designa para os amigos virtuais, também é super simpática. Ela é brasileira, mas mora na Austrália, e lá cria cada coisa mais linda que a outra. Super inspirador! Eis o resultado final do mini-álbum preparado por ela:



Então é isso, pessoal! Espero que tenham gostado das idéias do post de hoje.
Até!

ATUALIZAÇÃO!

A Lúcia do "Criative-se", carinhosamente, acabou dando uma outra super dica de chaveiro que ela mesma fez e postou lá no blog. Ela confeccionou um chaveiro em papel couro com o passo-a-passo dado pelas meninas do Scrapblog, e que pode ser encontrado aqui.
Dêem uma olhada e me digam se não concordam que vale a atualização:

Chaveiro feito pela Lúcia do "Criative-se"


Ah! A Claudinha, do Feito à Mão, também me fez uma pergunta que resolvi responder aqui por que era uma dúvida que eu tinha quando comecei a fazer scrap. Onde imprimir e qual o melhor papel? O meu chaveiro, na época, acabei imprimindo num "bureau" de impressão perto de casa em papel "couchê". Mas hoje algumas das minhas criações, e principalmente, os "bonecos", ou seja, os modelos de convites, imprimo em casa numa impressora à laser, e geralmente uso papel Opaline ou Matte da marca Filipaper. Mas quando a produção é grande ou precisa de um corte especial levo o material, com o boneco, para um bureau. Estou ainda a procura de uma boa gráfica aqui no Rio, uma com bom custo-benefício. Se alguém conhecer, por favor, me avise.
Até!

20 Deixe aqui seu comentário:

Lidiane Vasconcelos disse...

Fabi, mulher! Gostei das ideias sim. :D
Obriada pelas dicas. ;)

Ei! Que é que tinha esse almoço que te derrubou, hein? Vixe! Por causa disso teu findi acabou indo por água abaixo...

Péssimo!

É verdade, tem muito descendente de japonês por aqui mesmo. Lá em Pernambuco também não tem tantos, e notei logo essa diferença assim que cheguei. Agora já acostumei mais com a mistura... :D

Feliz dia do amigo você também.
Beijos!

with love by mushy disse...

Que legal esse chaveiro menina!! Também quero :)
Obrigada pelos comentários tão carinhosos sobre mim! É um prazer dividir meus trabalhos com outras scrappers e um super incentivo quando vejo que outros conseguem inspiração vendo o que eu faço :)
Beijos
Mi

Ana Carolina Peixoto disse...

Eu lembro do chaveirinho que você fez para o André! Realmente, ficou uma graça! Muito bom tb relembrar como era a sua pequena Sophia... Como cresce, né?
Bjs,

Cláudia Ramalho disse...

Fabi,

Lindo esse chaveiro.
Estou bolando um com fotos das meninas para dar no dia dos pais. Será surpresa. Vou já, já olhar esse passo a passo que vc indicou.

Pois é, nossas crianças têm várias fases mesmo. Andar, falar, tirar as fraldas, alfabetizar, andar de bicicleta, nadar e por aí vai... a gente vai curtindo cada fase e não tem jeito de não comparar.

Mas, olha aqui, ouça a experiência de uma mãe de duas garotas totalmente diferentes: cada um tem seu ritmo. Uns falam mais rápido, outros andam mais rápido.

Minha Mariana é muito autônoma, tem excelente coordenação motora, mas não fala tão bem quanto à irmã. São diferentes e únicas.

Não se culpe tanto assim, eu ajo igual quando o assunto é nutrição. Fico achando que não estou estimulando suficientemente a Clara, que poderia variar mais a sua alimentação. Mas é dela não gostar de comer muito. Cada um é único. Fazer o quê?

Bem-vinda ao clube das mães culpadas.

Um abração.

Cláudia Ramalho disse...

Fabi, já baixei os templates. Me diz em que papel vc imprimiu seu mini álbum, por favor.

Vc imprimiu em casa ou mandou revelar?

Rosi disse...

Qta criatividade!
Adorei o chaveiro.
Bjs

Eliene Vila Nova disse...

Olá,
minha querida vim retribuir a sua visita e digo que já virei fã, amei o carinho com que você faz os seus artesanatos, tudo lindo demais.
lindo blog, voltarei sempre.
beijos

Ana disse...

Nossa Fabi, muito obrigada pelos elogios, estou mesmo muito lisonjeada, pois vindo de alguém com um blog de tantobom gosto é de fato uma honra. Aliás, também agradeço o selinho , fiquei muito feliz. Como já recebi um igual, farei questão de mencioná-lo novamente, com todas as honras necessárias!!! Espero que continue me visitanto e eu também sou sua seguidora.
Abração!

Patrícia Pirota disse...

Oi Fabi, tudo bem?

Primeiro quero agradecer sua visita e comentário lá no cafofo. Seja bem-vinda! E volte sempre, viu =)

Pois então, menina... E sabe que eu acho que com artesanato a história da cópia deve ser pior ainda? Porque é fácil dizer que foi você que fez e inventou aquilo, ganhando dinheiro à custa das pessoas que deram o ‘mó duro pra criar uma coisa bacana.
Só que, no país em que vivemos, a malandragrem já vem direto no DNA dos caboclos... E a gente que paga o pato...

E eu adorei as suas idéias! Todas muito úteis e fofas... =)
Com certeza voltarei mais vezes.

Tenha uma ótima semana!
Um beijo pra você.

Lucia Laureano disse...

Oi Fabi!

Não sei se você já viu nos arquivos do blog, mas eu também já fiz um chaveiro de scrap híbrido! Eu usei o PAP do scrapblog. Este é feito em papel couro com o scrap colado e envernizado com verniz spray. Eu particularmente achei uma graça e uso até hoje!
beijos,

Cláudia Ramalho disse...

Obrigada pelas dicas, Fabi. Nunca ouvi falar nesse papel couro. Vou procurar nas grandes papelarias daqui, ou seja, nas duas únicas grandes. kkkk.

Ficaram ambos os modelos muito lindos!

Parabéns!

Flávia disse...

Olá, Fabi!

Acabei de encontrar seu blog e amei!
Você tem mãos de fada, seus trabalhos são realmente muito bonitos.
Vou seguir, claaaaro!!

Bjsss

Lidiane Vasconcelos disse...

Eita, Fabi. Pode ficar certa que o telemarketing vai te perseguir muito nessa vida. Também?! Fazendo cadastro em tudo quanto é loja? Haja promoção para você ficar a par... kkkk... eita, lelê!!!

Ah, claro! Vamos agora aguardar as cenas dos próximos capítulos e saber até onde dura essa promessa de não comer com os olhinhos, néam? ...ehehehe...
Beijos, bonita!

Rejane Batista disse...

Que trabalho lindo Fabi! Extremamente exclusivo e singelo. Adorei o mini álbum. Ótimo presentinho para a mamãe de um bebezinho recém chegado...

BjOs e até mais!

Santa Imaginação disse...

Oi Fabi!!!Que bom conhecer você e seus blogs...Amei tudo e principalmente as corujinhas do quarto da Sophia!!!Bjs
Zu

Patrícia Pirota disse...

Oi Fabi, tudo bem?
Ai menina, adorei seu comentário!
É tão bom quando chega gente no cafofo e vai falando, assim, como se a gente tivesse conversando, sabe.
Adorei saber da sua história de artista. Achei bonita... E ter alma de artista não é pra qualquer um, né bonita... E com certeza você não é qualquer uma =)

Capaz que tem problema de você não gostar de Machado, mulher! Acho que a gente tem que ler aquilo que faz bem, mesmo...
E Drummond é uma delícia, né não?

E como disse, cá estou eu de volta, porque gostei muito daqui mesmo...

Ai, deixa eu falar sobre a sua casa... Porque vi as fotos nos posts anteriores, e achei elegantérrima! Bonita mesmo a decoração, e de super bom gosto...

Um beijo pra você!

Lidiane Vasconcelos disse...

Fabi
A blogosfera é mesmo surpreendente. Não me admira que vicie tanto. Eu acho que todo mundo que tem um perfil no Orkut deveria ter um blog...ehehehe... porque num blog você se mostra de verdade, não é? E também vê os outros, e como você disse, através das palavras. E é muito legal os laços de afeto que vão sendo construídos. A “coisa” fica mais humana, por incrível que pareça. Eu adoro toda essa interação, sinto falta até...
Beijos, bonita!

Beta Bernardo disse...

Fabi, já tinha visto o post, mas não tinha conseguido vir aqui comentar. Adorei seu chaveiro!
Ia te falar da Lucia, mas nesse meio tempo ela veio aqui comentar. O dela é uma coisa de tão fofo! Ela até me deu um cru pra eu fazer, mas até hoje não tive um tema interessante ou tempo pra tal. Acho que agora com a chegada do Arthur vou fazer pra presentear a minha irmã, ou minha mãe...
Seu blog tá cada dia melhor!! Parabéns pela criatividade, capricho e talento!
Bjks, Beta

Pri Rocha disse...

Que legal seu cantinho Fabi!!
Amei as dicas!!

Viviane disse...

Oi Fabi....
tenho visitado seu blog e está muito legal! As idéias são muito legais! Bjs em todos

Viviane Masson